A definição de sedentarismo é a falta ou a diminuição de atividade física.
Hoje o sedentarismo está ligado aos confortos da vida moderna, pois o avanço tecnológico preparou a mente para estar ativa, porém, o corpo, em estado confortável (muitas vezes em estado exagerado de inatividade) vem sofrendo efeitos negativos.
O grande problema está no fato de que o sedentarismo traz diversas doenças, entre eles está a obesidade, hipertensão arterial, diabetes, hipercolesterolemia, infarto do miocárdio, envelhecimento prematuro, artrite, bem como perda de flexibilidade articular, cansaço excessivo, perda de libido, mau humor, insônia, desequilíbrios hormonais e de glicose.
Para combater o sedentarismo, basta apenas praticar 30 minutos de exercícios diários em grau leve ou moderado no mínimo 5 vezes por semana ou praticar 20 minutos de exercício vigoroso por no mínimo 3 vezes por semana.
Segundo os médicos, pode se reduzir em 50% doenças ligadas ao coração, evita-se a sarcopenia, a obesidade e diversas doenças relacionadas ao sedentarismo.
Procure uma academia, faça uma avaliação e pratique uma atividade física na presença de um instrutor, você terá maior qualidade de vida e seu corpo e sua saúde agradecerá.

Texto: Professor Wagner Tavares 

Deixe um comentário