Semana da Pátria: 40 escolas participam do desfile na Restinga

site_01

Dentro das atividades alusivas à Semana da Pátria 2016 ocorreu, na sexta-feira (02/09), na Esplanada da Restinga, o desfile das escolas municipais e instituições conveniadas com a Prefeitura de Porto Alegre, escolas estaduais e particulares localizadas na região. Com o tema Na Vida, No Esporte… Superando Desafios os estabelecimentos de ensino carregaram faixas, bandeiras e cartazes. Realizaram apresentações, performances musicais e artísticas reivindicando principalmente a paz. A importância da prática esportiva na vida e na formação dos estudantes foi outro ponto de destaque. O evento contou, ainda, com homenagens aos atletas olímpicos brasileiros e com a participação especial da banda marcial da Escola Municipal de Ensino Fundamental (Emef) Aramy Silva, responsável pela trilha sonora da maior parte da marcha.

Desfilaram na parada as escolas municipais de educação infantil (Emeis) Paulo Freire, Florência Vurlod Socias, da Vila Nova Restinga, e Dom Luiz de Nadal, além das escolas municipais de ensino fundamental (Emefs) Senador Alberto Pasqualini, Dolores Alcaraz Caldas, Professor Larry José Ribeiro Alves – cuja banda marcial sonorizou a segunda parte da mostra –, Lidovino Fanton, Mario Quintana, Moradas da Hípica e a Escola Municipal de Ensino Especial Fundamental (Emeef) Tristão Sucupira Vianna.

site_01


site_04

Segundo Cleci Jurach, secretária municipal de Educação, toda semana da pátria é carregada de simbologias. “A participação das escolas da Restinga neste evento é marcante, pois a região, assim como o restante da cidade, está sofrendo por conta da violência”, salientou. Para Cleci, a superação e a reconstrução da comunidade refletem o comprometimento por parte dos educadores. “Os professores ainda têm a emoção e a satisfação de mostrar o seu trabalho. Esta é a missão do professor, não desistir, porque nós trabalhamos com seres humanos. E a alegria das crianças é o que nos contagia”, concluiu.
A cada ano o desfile é organizado pela diretoria de uma escola municipal. A diretora da Emei Dom Luiz de Nadal, Maria do Carmo de Souza, foi a responsável pela coordenação desta edição. “As instituições protagonizam essa integração. Trabalhamos, em sala de aula, o significado do desfile e a situação de ser brasileiro. As crianças ficam muito empolgadas e toda a comunidade escolar acaba se envolvendo num espírito de integração”, relatou. Conforme Maria do Carmo, participaram 45 instituições, totalizando cerca de 4.000 pessoas.

site_02

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Texto de: Mailsom Portalete (estagiário) / Supervisão: Andrea Pinto – PMPA
Edição de: Gilmar Martins – PMPA
Fotos: Valtencir Cruz

Deixe um comentário